Não fornecimento de tíquete alimentação é objeto de ação contra várias instituições de ensino
O SAAERJ entrou, no dia 23 de março, com três ações trabalhistas contra três instituições de ensino pertencentes ao 3º grau que não estão cumprindo a cláusula 6º da respectiva Convenção Coletiva de Trabalho, que garante o fornecimento de tíquete alimentação aos trabalhadores. São elas:

- Associação de Ensino de Campo Grande (Moacyr Bastos) - processo nr.  0010352-71.2015.5.01.0023, 23º Vara do Trabalho do RJ, com audiência marcada para 20/05/2015;

- Sociedade Nilza Cordeiro Herdy de Educação e Cultura S/S LTDA (Universidade Unigranrio) - processo nº 0010370-33.2015.5.01.0075, 75º Vara do Trabalho do RJ, com audiência designada para 13/08/2015;

- Sociedade de Ensino Superior Pinheiro Guimarães - processo nº 0010442-19.2015.5.01.0043, 43º Vara do Trabalho do RJ, ainda sem audiência agendada.

“A conquista do tíquete alimentação, tanto em Convenções Coletivas quanto em Acordos em separado, foi uma batalha árdua. Agora estamos fiscalizando o cumprimento integral deste benefício e vamos exigir na justiça que todas as instituições façam valer o acordado”.